sábado, 18 de fevereiro de 2012

Prefeitura deu início as obras de recuperação da Feirinha de Teresópolis.

Funcionários da PMT já trabalham na revitalização da
Feirinha de Teresópolis
A Prefeitura iniciou nesta semana a obra de revitalização da Feirinha de Teresópolis, com reforma dos banheiros e da quadra de esportes. As primeiras ações consistem na restauração de todo o sistema de saneamento, com a instalação de filtro e fossa e a utilização de 90 metros de tubulação.

“O manilhamento é antigo, e encontramos, inclusive, manilhas de barro, o que não se usa há bastante tempo. Essas peças serão substituídas por novas. Além disso, com a colocação de filtro e fossa, estaremos dando o tratamento correto ao esgoto captado, uma das principais orientações do Prefeito Arlei com relação ao projeto”, explicou o Subsecretário de Parques e Jardins, Tião Correia, acrescentando que, durante esta semana, foi iniciado também o serviço de construção de rampas para facilitar o acesso à quadra e que serão usados 1.300 metros de piso intertravado em toda a obra.

O coordenador da feirinha, Márcio Do Valle, acompanha os trabalhos. “Com a quadra reformada, os visitantes terão mais uma opção de lazer dentro da feirinha. Agradecemos ao Prefeito Arlei por esta iniciativa”, ressaltou.

Carnaval na Feirinha 

Márcio Do Valle também destacou o funcionamento da Feirinha durante o Carnaval. “A coordenação e a Prefeitura chegaram ao entendimento de que o espaço funcionará sem interrupção até o domingo, 26. Assim, teresopolitanos e turistas poderão aproveitar tudo que a Feirinha oferece durante nove dias seguidos”, comentou o coordenador, lembrando que a programação no local começa neste sábado e prossegue até terça.

No sábado, 18, o Balaio da Cultura se apresenta, às 14h, e show do grupo Quintal do Céu, a partir das 16h30. No domingo, 19, às 15h, tem Grêmio Musical Paquequer, com o espetáculo ‘100 anos de Carnaval’. Já na segunda, 20, às 15h, o bloco Dona Teresinha anima o público. Fernando Mello e Banda fazem uma viagem pelo Carnaval na terça-feira, 21, às 15h.  

Google esta sendo acusado de coletar histórico de navegação e outros dados dos usuários para direcionar publicidade


Google e Facebook recorrem ao mesmo
 artifício
 
Google e Facebook estão são acusados de monitorarem a navegação na web dos donos de iPhones, PCs e Macs, através do navegador Safari, para direcionarem publicidades 'relevantes' aos usuários. A descoberta foi feita pelo pesquisador da Universidade de Stanford, Jonathan Mayer, que apresentou um relatório publicado pelo jornal Wall Street Journal, revelando um pequeno "truque" utilizado pelo Google para permitir tal monitoramento.
O Safari possui configurações de privacidade que impedem a coleta das informações registradas pelos usuários durante a navegação. Porém, segundo Mayer, o Google conseguiu contornar a restrição, enviando uma mensagem em branco para o navegador para fazê-lo aceitar "cookies" não autorizados. Segundo o relatório, o Facebook e outras empresas de publicidade utilizam métodos semelhantes para coletar o histórico de navegação e outros dados dos usuários de forma anônima e não autorizada.
Assim que o código foi descoberto o Google desativou o recurso e começou a se defender das acusações. A empresa de Mountain View alega que o relatório publicado por Mayer possui erros, e afirma que seus cookies apenas coletam informações anônimas. "O The Wall Street Journal descaracterizou o que realmente acontece e o motivo pelo qual a função existe. Nós usamos a conhecida funcionalidade do Safari para fornecer recursos que os usuários logados no Google ativam. É importante ressaltar que esses cookies de publicidade não reconhecem nenhum tipo de informação pessoal do usuário", disse um porta-voz do Google.
O Google completa sua defesa dizendo que o Safari bloqueia os cookies de terceiros de forma padrão, mas permite que recursos da web criados por terceiros habilitem temporariamente o recebimento desses cookies para envio de publicidade. A gigante de buscas começou a utilizar essa funcionalidade para habilitar os recursos de assinatura de usuários do Google no Safari, além de proporcionar um envio de publicidade personalizada, com a autorização do usuário.
Por outro lado, a descoberta causou revolta entre os defensores da privacidade online, aumentando a discussão sobre as novas políticas de privacidade anunciadas pelo Google, que entra em vigor no dia 01 de março. Muitos rejeitam a ideia do Google saber mais informações sobre o usuário, e a União Europeia solicita ao Google que interrompa a adoção da nova política, até que eles investiguem a mesma por completo, garantindo que os dados dos usuários estarão protegidos. Já a Apple se pronunciou informando que está trabalhando em uma solução que interrompa a prática adotada pelo Google.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Chupa cabra engole cartão de cliente no Santander da Duque de caxias

A Polícia Militar foi acionada para agência do Banco Santander, localizada na Rua Duque de Caxias, esquina com Avenida Delfim Moreira, para atender ao chamado de uma cliente que disse que seu cartão teria sido engolido pelo caixa eletrônico que estava utilizando. Ao chegarem à agência, os militares encontraram apenas um caixa eletrônico em funcionamento. Os outros estavam com as entradas de cartão tapadas. De acordo com o relato da vítima, ao perder o cartão, ela pegou o telefone que fica ao lado dos caixas eletrônicos para fazer contato com a agência e falou com um suposto atendente, passando o número da conta e sua senha. Em seguida, percebeu que o aparelho estava estranho, um pouco frouxo. A polícia encontrou dentro do telefone um aparelho celular, provavelmente colocado pelo meliante. Todas as vezes que o cliente fizesse contato, falaria com o suposto atendente e diante das informações eles clonavam os cartões das vítimas para aplicar os golpes. 


O perito Correia, do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, esteve na agência bancária, onde fez a apreensão do mecanismo que foi encaminhado para o setor de plantão da delegacia.
Em entrevista, o delegado Vinicius Paiva, alertou as pessoas para não passarem nenhum tipo de informação bancária por telefone. Ele disse que foram solicitadas as filmagens da agência bancária para que se chegue até os acusados.



(Fonte: Teresópolis Jornal)

Preconceito ou regra? Menina é barrada em escola porque pintou o cabelo de azul. De a sua opinião.

Foto postada no Facebook pelo pai da menina

Uma aluna de 16 anos foi barrada em uma escola particular de Uberaba, em Minas Gerais, após voltar das férias com o cabelo pintado de azul. Depois ser advertida de que comportava-se de forma inapropriada com o novo visual, I.F.D. só pôde frequentar as aulas durante dois dias. Na última quarta-feira, a adolescente foi impedida de entrar no Colégio Cenecista Dr. José Ferreira pelo porteiro.
Inconformados, o pai Guilherme Diamantino, que é advogado, e a própria adolescente protestaram por meio do Facebook. A causa ganhou apoio imediato e se espalhou pelas redes sociais. Pessoas de todo o país enviaram mensagem de apoio.
- Ele (diretor) me disse que era pela disciplina, que ele precisava controlar os alunos. Eu disse a ele que iria conversar com ela, para ela pensar se queria mudar o cabelo de cor ou sair da escola - disse Guilherme Diamantino à TV Integração, do triângulo mineiro, afiliada da TV Globo.
A escola existe há 58 anos e tem mais de três mil alunos. Segundo o pai, as normas do colégio não são claras.
- A norma da escola diz que o cabelo tem que estar dentro da normalidade, mas eu não sei o que isso quer dizer - disse o pai da adolescente.

Secretário de Turismo de Teresópolis fala sobre a situação das Escolas de Samba da cidade

O amigo Carlos Tucunduva, Secretário de Turismo de Teresópolis e sua simpática
assessora Gabriele
Conversando ontem com o Carlos Tucunduva,  Secretário de Turismo de Teresópolis, ficamos sabendo que a situação das Escolas de Samba locais, caso não aflore algum novo impasse, está praticamente solucionada. O Termo de Ajuste de Conduta (TAC) junto ao Ministério Público resumiu-se em liberação após pagamento de 22 mil reais, que é o débito por conta de prestação de contas incorreta que vinha se arrastando há mais de um ano. 


As Escolas se consideram aptas a realizar um lindo carnaval em maio - o carnaval fora de época -, mas precisam encontrar uma forma de pagar o débito, já que a maior parte delas esta descapitalizada. A sugestão do Tucunduva é a realização de um ou mais eventos  em que essa quantia pudesse ser arrecadada. Tucunduva foi bastante claro ao afirmar que a Prefeitura não pode liberar verbas nesse momento para tapar esse buraco financeiro, mas pode ajudar conseguindo local para os eventos que seriam realizados em clubes da cidade. 


É possível, também, que um ou mais empresários da cidade se disponham a ajudar o mundo do samba, mas por hora não há nada de concreto nesse sentido. Caberá as Escolas e seus dirigentes encontrarem novos patrocinadores e contatar pessoas que se disponham a colaborar. Segundo Marlene, atual Presidente da LEST- Liga Teresopolitana das Escolas de Samba, o Secretário de Turismo Carlos Tucunduva se revelou uma pessoa muito simpática e com enorme boa-vontade. "Ele nos ajudou muito", disse.

Rio registra 149 casos de dengue por dia

A Secretaria Estadual de Saúde divulgou nesta terça-feira (14) o boletim semanal de casos de dengue. De acordo com a secretaria, foram registrados desde o dia 1º de janeiro, 6.745 casos suspeitos da doença em todo Estado do Rio. Neste período, nenhuma morte foi registrada. O vírus do tipo 4 foram detectados nos municípios de Niterói, Nova Iguaçu, Mesquita e Rio de Janeiro.

Também nesta terça-feira , a Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro informou que o município registrou, até o dia 11 de fevereiro, 3.499 casos.

Ainda de acordo com a secretaria, haverá mutirões durante o Carnaval para prevenir a proliferação da doença. Veja a relação:

- Mutirão no Engenho de Dentro, na estação de trem e entorno;
- Trem da prevenção, com ação em uma composição, da estação do Engenho de Dentro até a Central do Brasil;
- Estandes educativos no metrô e na Rodoviária Novo Rio;
- Bloco da Prevenção, que percorrerá alguns pontos da cidade em um ônibus turístico;
- ação no sambódromo e entorno, inclusive com uso do carro fumacê.

Campanha 10 Minutos Contra a Dengue


A campanha foi lançada pela Secretaria de Estado de Saúde como o tom do alerta para evitar o alarme neste verão, sendo uma importante ferramenta de conscientização para a necessidade de todos se engajarem no combate ao foco do mosquito aedes aegypti, transmissor da doença. O objetivo é estimular a população a investir dez minutos por semana para eliminar possíveis criadouros em suas casas, já que o ambiente doméstico concentra 80% dos focos.

Enteado de técnico do Flamengo, Joel Santana, é acusado de agressão em bloco de carnaval

Diogo (à esquerda, sem camisa e vestindo uma bermuda vermelha) aparece no vídeo dando um chute num dos integrantes da bateria do Bloco dos Mendigos  

O lutador de jiu-jítsu Diogo Monteiro, enteado do técnico do Flamengo, Joel Santana, é acusado de ter agredido, no último sábado, um integrante da bateria do Bloco dos Mendigos, que se preparava para desfilar em Ipanema. No registro de ocorrência, ele aparece tanto como autor quanto como vítima de uma lesão corporal.
Um dos organizadores do bloco gravou em vídeo o momento em que Diogo começa a discutir com a vítima, que preferiu não se identificar. Em seguida, ele é flagrado dando um soco e um chute no rapaz.

Com escoriações em várias partes do corpo e seis pontos internos na boca, a vítima disse que apenas se dirigiu a Diogo para pedir que ele se afastasse, pois estava atrapalhando a passagem da bateria:
— Ele acabou com o bloco. Era uma reunião de família e, do nada, ele apareceu para arrumar confusão.
O lutador teria sido contido por guardas municipais e PMs, chamados para acabar com a confusão. A vítima disse que chegou a ficar desacordada, mas soube por testemunhas que Diogo, mesmo depois disso, continuou com a agressão:
— Nós conseguimos tirá-lo do meio do bloco. Logo depois, ele voltou com um outro amigo. Veio querer apertar a minha mão. Como me recusei, ele ficou louco.
O caso foi registrado na 13ª DP (Ipanema) onde os dois vão responder por lesão corporal. De acordo com investigadores, em casos como esse os envolvidos acabam entrando como autores e vítimas.


História do Carnaval de Nova Friburgo é tema do livro “Até Quarta-Feira!” de David Massena

David Massena também foi prestigiado pela amiga e subsecretária municipal de Comunicação, Janayna Saade (Foto: Daniel Marcus)
Depois de quatro anos e intensa e extensa pesquisa em arquivos, jornais, documentos, diários pessoais, além de entrevistas com testemunhas oculares, finalmente o jornalista e escritor David Massena colocou o ponto final em seu segundo livro, “Até Quarta-Feira!”. A obra, que chega às livrarias esta semana, tem lançamento marcado para o dia 14 de fevereiro, terça-feira, a partir das 20 horas, na Mais 1 Choperia e Sinuca. 


São 288 páginas de puro deleite, com mais de cem registros fotográficos e um texto primoroso. Publicado pela Viena Editora, “Até Quarta-Feira!” conta a história do carnaval friburguense desde antes da chegada dos suíços colonizadores, dos alemães, espanhóis, italianos, árabes, entre tantos outros povos que ajudaram a colonizar a cidade serrana fluminense.
O autor analisa as transformações e tradições do carnaval de Nova Friburgo ao longo de quase dois séculos de história. Desde os entrudos do século XIX até as escolas de samba que, criadas em meados do século passado, animam o carnaval friburguense até hoje. Nessa trajetória, Massena revela fatos importantes do passado, como o carnaval de 1916—uma das primeiras folias fora de época do Estado—que foi postergado em virtude das fortes chuvas daquele ano; conta casos interessantes e pouco conhecidos como o refúgio que a polêmica bailarina Marietta Maria Baderna (1828-1870) veio buscar na “Suíça brasileira” no fim de sua vida. E não apenas fatos e casos pontilham a narrativa.


A minuciosa pesquisa realizada por David pode, inclusive, ajudar a explicar o Brasil através do carnaval. Por exemplo, funcionando como um termômetro capaz de marcar as diferenças sociais que atingiam (e ainda atingem) a sociedade brasileira. O livro também apresenta um carnaval que mistura toda a diversidade de que se contagiou e enriqueceu a cultura brasileira durante séculos. 


A obra traz ainda os resultados das escolas de samba da cidade desde 1947, seus enredos, seus personagens marcantes, explica passo a passo a formação de um desfile, os critérios de julgamento e um pequeno dicionário do carnaval, com verbetes que muitos desconhecem. Centenas de nomes, familiares aos friburguenses, compõem uma galeria de baluartes do carnaval de Nova Friburgo.


Na apresentação do livro, o historiador Rafael Mendes, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), indaga: “A região ocupada por Nova Friburgo, ao longo de sua história, foi povoada por escravos trazidos da África, índios nativos, portugueses, suíços, alemães, italianos, e outros mais. Onde, se não lá, o fenômeno da aculturação poderia encontrar terreno mais fértil?”. E mais: “Se não fossem as lembranças, o fascínio de David Massena pelo carnaval e por Nova Friburgo não poderia existir; se ele não existisse, jamais poderíamos ler as páginas de ‘Até Quarta-Feira!’ que revelam um historiador de trato minucioso, sensível e abrangente de suas fontes”, completa. A professora Luciana Herdy Messa assina a orelha do livro.

Programa Minha Casa Minha Vida é lançado em Magé

Momento em que o convênio era assinado pelo
prefeitoNestor Vidal

A Prefeitura de Magé, a Caixa Econômica Federal e a construtora Brookfield Incorporações assinaram o convênio para o lançamento do Programa Minha Casa, Minha Vida no município, que iniciará em fevereiro as obras do conjunto habitacional no bairro Vila Nova, com o objetivo de beneficiar duas mil famílias mageenses com renda máxima de três salários mínimos.
O Minha Casa, Minha Vida é um programa do governo federal, em parceria com Estados, municípios, empresas e movimentos sociais para a construção de moradias para a população. Magé selou essa parceria na cerimônia onde o prefeito Nestor Vidal, o secretário de Habitação e Urbanismo Gustavo Morgado, o superintendente regional da Caixa Econômica Federal Fábio Quintino e o diretor executivo da Brookfield Incorporações Marcelo Borba, assinaram o convênio.

Igreja Universal é condenada a indenizar ex-pastor que era obrigado a atingir metas de arrecadação

Igreja trabalha com metas de
arrecadação, como uma empresa capitalista

A Igreja Universal do Reino de Deus foi condenada a indenizar em R$ 19 mil, por danos morais, um ex-pastor acusado de roubo. A decisão é da Sétima Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que negou, por unanimidade, um recurso apresentado pela igreja, e ainda reconheceu o vínculo de emprego ao ex-pastor que era obrigado a cumprir metas de arrecadação.
Em depoimento no Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ), o pastor contou que foi admitido em 1999 na função de administrador da igreja, com remuneração de aproximadamente R$ 2.400, e cumpria jornada de trabalho de segunda-feira a domingo, das 6h30m às 21h. Tinha apenas uma hora de intervalo. Anos depois, em 2007, seu salário foi reduzido em R$ 1.200, com a justificativa de repor perdas causadas pelo não cumprimento das metas de arrecadação estabelecidas pela igreja.
No mesmo ano, em 2007, ele contou ter sido acusado pelos superiores de ter se apropriado indevidamente de parte de uma doação de R$ 23 mil. Por conta disso, foi enviado para outra filial, onde passou a trabalhar como servente e ser motivo de comentários.
Um mês depois, foi dispensado da nova função e informado de que deveria deixar a casa onde residia com a família, “sob pena de se arrepender de permanecer no imóvel”.
Em sua defesa, a Igreja Universal alegou que jamais manteve relação de trabalho com o pastor evangélico. Durante os oito anos o pastor atuou como “colaborador autônomo para os fiéis”, a igreja disse ao TRT que ele recebia um “subsídio pastoral”, ou seja, uma ajuda de custo para ele e sua família.
A 65ª Vara do Trabalho do Rio, na sentença, observou que, segundo as provas testemunhais colhidas, o pastor exercia a função de administrador da igreja, na qual tinha que cumprir tarefas e obedecer a orientações da igreja, "inclusive de arrecadação das doações, cumprindo metas, por todo o dia, com exclusividade". Ficou comprovado ainda que ele teria sido dado como “ladrão” publicamente entre os integrantes da igreja.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

PM do Distrito Federal entra em estado de greve e inicia operação-padrão

Operação padrão começou hoje.

Os policiais militares e bombeiros do Distrito Federal (DF), reunidos em assembleia na noite desta quarta-feira, decidiram entrar em estado de greve e iniciar uma operação-padrão a partir de hoje.
Eles reivindicam principalmente equiparação salarial com os policiais civis e a reestruturação da carreira. A assembleia ocorreu na Praça do Relógio, na cidade de Taguatinga.
Segundo o presidente da Associação dos Oficiais do Corpo de Bombeiros Militares, Sérgio Aboud, o salário dos policiais e bombeiros são os menores na área de segurança pública no DF. Ele reclama também do valor pago aos militares em fim de carreira, que ganham o mesmo que um iniciante.
"Queremos que o governo olhe para nós e cumpra o que foi prometido durante a campanha de eleição do governador Agnelo Queiroz. Não temos intenção de iniciar uma greve para prejudicar a sociedade. Precisamos ser inteligentes, queremos apenas negociar com o governo", disse Aboud.
Durante a operação-padrão, os policiais militares vão exigir a presença da Polícia Civil no local de cada ocorrência criminal e fazer o deslocamento da viatura policial dentro da velocidade permitida pela via independentemente da urgência do chamado e a suspensão das autuações de trânsito feitas pela Polícia Militar, entre outras medidas.
A próxima assembleia de negociação com o governo do DF está marcada para o dia 2 de março, na Praça do Buriti.

Rock in Rio 2013 começa a confirmar atrações. Sepultura está dentro.

Faltando um ano e meio para a realização do Rock in Rio 2013, a equipe de produção trabalha a todo vapor para garantir ao público mais um evento inesquecível e de qualidade. Na noite desta quarta-feira, 15, no Mirante Dona Marta, no Rio de Janeiro, foi gravado o primeiro comercial do festival que chama atenção para o maior evento de música e entretenimento do mundo e inicia uma contagem regressiva de um ano para o evento. O Rock in Rio já tem data marcada e será realizado em sete dias e não mais seis. Acontecerá nos dias 13, 14, 15, 19, 20, 21 e 22 de setembro, na Cidade do Rock (Parque Olímpico Cidade do Rock Av. Salvador Allende, s/n).

O comercial foi estrelado pelas bandas Sepultura e Tambours du Bronx, que juntas repetiram em grande estilo a dobradinha apresentada no palco Sunset. Um set de filmagem foi montado e com toda a Cidade Maravilhosa aos seus pés eles aproveitaram para comemorar seu retorno ao Rock in Rio. As bandas abrirão a noite de metal do Rock in Rio 2013, mas desta vez no Palco Mundo. 
Considerada banda brasileira de metal com maior repercussão internacional, o Sepultura se apresentará com os percussionistas franceses do Tambours du Bronx. Criado em 1987, o grupo é formado por 17 integrantes que tocam em latões de óleo, misturando o som das latas gigantes com hardcore e percussão eletrônica. A sugestão de convidar o Tambours para o Rock in Rio 2011 partiu do guitarrista Andreas Kisser, que conheceu o projeto em um festival francês no qual o Sepultura também tocou. A parceria fez tanto sucesso que este ano se apresentarão juntos no Palco Mundo do Rock in Rio Lisboa, em maio, e no ano que vem retornam ao Brasil.

BBBURROS EM AÇÃO: Jonas perguntou se canção é com "s" ou com "c". João respondeu: com "s".

JONAS NÃO SABE ESCREVER
A PALAVRA"CANÇÃO"
Dúvidas quanto à língua portuguesa rondaram os confinados do “Big Brother Brasil 12” nesta quinta-feira. Ainda na madrugada, foi Jonas quem teve a primeira:
“Gente, tira uma dúvida minha meio ignorante: canção é com ‘s’ ou com ‘ç’?”
Rápido no gatilho, João Carvalho responde: “Com ‘s’”.
“Ah, ainda bem. Deu branco”, completa Jonas.
Mais tarde, enquanto Fael lia o livro “Quem mexeu no meu queijo?”, ele se depara com uma palavra desconhecida: “Entrentaram”
“Acho que tem uma palavra errada aqui neste livro. Pelo menos eu nunca vi essa palavra antes”, diz o veterinário para Jonas.
O modelo pergunta em qual frase a palavra estava escrita e, ao lerem a sentença, os dois chegam a conclusão de que, na verdade, o vocábulo era “enfrenataram”!

Novos dirigentes tomaram posse no UNIFESO dia 13 de fevereiro

No dia 13 de fevereiro o Reitor do UNIFESO, professor Luis Eduardo Possidente Tostes, deu posse a quatro novos dirigentes da Instituição nas áreas acadêmica e administrativa. A solenidade reuniu representantes das diversas categorias da comunidade acadêmica no auditório Multimídia Biomédicas, no Campus Sede. Em seu pronunciamento, o reitor mencionou as dificuldades que as áreas de educação e saúde estão enfrentando, e a complexidade da atuação de uma fundação diante o atual cenário econômico do país. Ele destacou que as mudanças no UNIFESO se devem “a uma reestruturação organizacional que está sendo implantada”, com vistas à busca de eficiência e agilidade nos processos de gestão acadêmica, e agradeceu “aos que aceitaram o convite para enfrentar conosco estes desafios”. O reitor expressou ainda o agradecimento da Instituição aos que deixaram seus cargos “pela contribuição significativa que deram ao UNIFESO”. No cargo de Pró-Reitor Acadêmico, assumiu o professor José Feres Abido Miranda, que até então exercia o cargo de Pró-Reitor de Graduação. Como diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, tomou posse a professora Katiuscia Cristina Vargas Antunes. A contadora e bacharel em Direito Solange Soares Diaz Horta assumiu a Diretoria de Administração. O professor Manoel Antônio Gonçalves Pombo tomou posse da coordenação do curso de Medicina, que já vinha exercendo desde j

Lindemberg Fernandes foi considerado culpado em todas as acusações. A pena é de 98 anos e 10 meses + multa.

Após quatro dias de julgamento Lindemberg Alves Fernandes, acusado de matar a ex-namorada Eloá Pimentel, em outubro de 2008, após mantê-la refém por mais de 100 horas, em Santo André, foi condenado a 98 anos e 10 meses de prisão em regime inicialmente fechado. Além disso, ele terá de pagar 1.320 dias-multa. Se não houver o pagamento, a pena total será de 102 anos, cinco meses e 25 dias de prisão.
A decisão foi tomada por um júri formado por seis homens e uma mulher que consideraram o réu culpado pelos 12 crimes pelos quais foi julgado. Por volta das 19h40 desta quinta-feira, a juíza Milena Dias proferiu a sentença.
Lindemberg foi condenado por homicídio qualificado por motivo torpe pela morte de Eloá, duas tentativas de homicídio (contra Nayara Rodrigues e o sargento Atos Valeriano), cinco ocorrências de cárcere privado (contra Eloá, Vitor Lopes, Iago Oliveira e duas vezes contra Nayara) e quatro disparos de arma de fogo. O réu não poderá recorrer em liberdade.
"Além de eliminar a vida de uma jovem 15 anos e quase matar Nayara e o bravo policial Atos Valeriano, causou enorme transtorno para a sociedade e para o Estado", disse a juíza, que ressaltou a frieza, orgulho e egoísmo do réu, além da premeditação do crime.
Em coletiva de imprensa, a mãe de Eloá, Ana Cristina Pimentel, agradeceu à população, à juíza, à promotora, aos advogados da família Pimentel e da Nayara, aos assistentes de acusação e a Deus. "Nada vai diminuir a minha dor, mas a justiça vai ser feita."
A mãe de Nayara também se pronunciou. "Não sou eu que tenho que perdoa-lo, É Deus."

"Reconfigura" é a nova mostra de arte em exposição na galeria do SESC. Obras de quatro artistas.

Para informação dos aficionados da arte, a  mostra de arte "Reconfigura", reúne obras de quatro artistas com técnicas, estilos e suportes diferentes, unidos por explorar novas formas  e caminhos dentro da linguagem figurativa, bem como as possibilidades de revalorização da tradição e sua reinvenção no âmbito de novas perspectivas. A mostra fica em exposição atá 1/03, de 3ª a 6ª, das 10h às 19, sábados e domingos de 9h às 18. Veja algumas imagens:


















                          Telefones do SESC Teresópolis: 
                             21-2743-6959 / 21- 2743-6939

Conselho Tutelar recebe equipamentos para aumentar a informatização no atendimento

São 3 computadores completos e impressora

Três computadores completos (monitor, mouse, teclado, duas caixas de som e no-break), uma impressora, um switch e um roteador foram entregues ao Conselho Tutelar de Teresópolis pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). O objetivo é a implantação do SIPIA (Sistema de Informação para Criança e Adolescente), serviço que visa melhorar o atendimento em defesa dos direitos da infância e da juventude.
“O principal objetivo do CMDCA é dar prioridade ao atendimento à criança e ao adolescente, por isso deve existir sempre uma parceria entre os dois órgãos”, disse Marcelo Quintanilha, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Os equipamentos serão instalados na sede do Conselho Tutelar, que funciona na Rua Darcy Menezes de Aragão, 51, Várzea. Além do empréstimo dos equipamentos – que é vinculado ao mandato do Conselho Tutelar em exercício, devendo ser renovado a cada nova gestão – o CMDCA pretende realizar cursos de capacitação baseados no SIPIA, sistema nacional de registro e tratamento de informação sobre promoção e defesa dos direitos fundamentais preconizados no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).
Órgão permanente e autônomo, o Conselho Tutelar tem a missão de zelar pelo cumprimento dos direitos das crianças e dos adolescentes, conforme os princípios estabelecidos pelo ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). A Prefeitura Municipal mantém toda a estrutura necessária para o seu funcionamento, como sede, mobiliário, telefone fixo na sede e celular para plantão, veículo com motorista e pessoal de apoio administrativo.
O conselho funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e o telefone de contato é (21) 3641-3019. Aos sábados e domingos, o atendimento pode ser acionado pelo (21) 8889-3929 ou pelo Disque Denúncia, o Disque 100.


Magistrados de São Paulo que não receberam valores extraordinários querem isolar "Turma do Milhão"

Presidente do TJ SP disse ao tomar posse
este ano que quer modernizar a Justiça Paulista

Magistrados que não receberam valores extraordinários do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) querem isolar a "turma do milhão" - um grupo de desembargadores privilegiados que foram contemplados com pagamentos antecipados a título de verbas indenizatórias acumuladas. A inquietação na corte atingiu temperatura máxima. Multiplicam-se os focos de insatisfação.
A toga discute publicamente os rumos da crise que abala o maior TJ do País. A preocupação maior dessa ala é que seus nomes fiquem sob suspeita por causa da lista negra - 29 desembargadores e juízes estão sob investigação, entre eles dois ex-presidentes do TJ que ganharam acima de R$ 1 milhão.
Todos os magistrados têm direito a créditos relativos a férias e licença-prêmio não cumpridas. A maioria recebe em parcelas mensais de pequeno valor como espécie de compensação pelas perdas sofridas ao longo dos anos. Esse grupo exerce forte pressão sobre a cúpula do TJ para que apure rapidamente os caminhos dos privilégios concedidos a poucos.
Na quarta-feira, 15, o desembargador Gastão Toledo de Campos Mello Filho, na sessão do Órgão Especial do TJ, pediu imediata suspensão do pagamento de recursos a que têm direito. Em ofício ao presidente do TJ, Ivan Sartori, ele informou ter chegado a seu conhecimento que, em determinado período, ocorreram pagamentos em desacordo com o princípio da isonomia. "Quero dizer que jamais requeri antecipação de qualquer verba de minha titularidade. Mais ainda, requeiro imediatamente suspensão das minhas verbas indenizatórias atrasadas até que se restabeleça a isonomia", assinalou Mello Filho.
O Órgão Especial reúne a cúpula da magistratura, com 25 desembargadores - os 12 mais antigos, 12 eleitos e o presidente do tribunal. Cabe a esse colegiado a apuração e aplicação de sanções àqueles que furaram a fila sem uma "justificativa plausível".
Apuração. O desembargador Roberto Nussinkis Mac Cracken soube que seu nome estaria na relação dos apaniguados. Foi informado, no dia 8, que teria recebido R$ 20,9 mil antecipadamente. Inconformado, fez uma investigação por conta própria e constatou ter sido vítima de erro. Em média, cada desembargador recebeu, em 2010, além do salário, R$ 178,6 mil por atrasados. Ele recebeu pouco mais da metade desse montante, já incluídos os dois repasses que somaram R$ 20,9 mil.

Jornais publicam casos de corrupção no banco do Vaticano e provocam rumores de renúncia do Papa

Para admitiu em livro a possibilidade de
renunciar caso se sentisse incapacitado fisicamente

O Vaticano está vivendo sua própria versão de escândalo WikiLeaks, que atingiu em cheio a diplomacia dos Estados Unidos, afirmou o porta-voz Federico Lombardi, frente a recentes vazamentos na imprensa italiana.
Vários jornais publicaram cartas de um delator denunciando casos de corrupção no Vaticano, assim como acusando o banco do Vaticano de falhar na implantação de leis contra lavagem de dinheiro.
Na semana passada, uma carta confidencial de um cardeal confessando ter conhecimento de um plano de assassinato do Papa nos próximos 12 meses foi divulgada e ridicularizada pelo Vaticano.
“Precisamos de calma, sangue frio e razão”, afirmou o padre Lombardi em uma longa declaração publicada no site da Rádio do Vaticano na segunda-feira à noite.
Padre Lombardi
O governo do presidente americano Barack Obama “teve o Wikileaks, o Vaticano está tendo seus próprios vazamentos”, afirmou.
Observadores disseram que os vazamentos são evidências de uma luta interna pelo poder no Vaticano, particularmente contra o Secretário de Estado, Tarcisio Bertone.
“Esses vazamentos têm a intenção de espalhar confusão e manchar a imagem do Vaticano, do governo da Igreja e da própria Igreja”, comentou Lombardi.
O porta-voz frisou que o Papa Bento XVI está comprometido com o avanço da administração das finanças do Vaticano e assegurou que o banco do Vaticano está alinhado às regras internacionais contra lavagem de dinheiro.
“Estão dizendo que documentos internos estão sendo transmitidos externamente de maneira desonesta”, declarou Lombardi.
“Alguns desses documentos recentemente distribuídos tendem a diminuir a credibilidade em relação ao compromisso da Igreja em aumentar a transparência”, acrescentou.
Perguntado posteriormente, nesta terça-feira, sobre rumores persistentes de que o Papa poderia renunciar, advertiu: “Se essa questão já foi alguma vez abordada seriamente, discutiremos. Por ora, não é nada sério e, portanto, não há o que dizer”.
Bento XVI mencionou a possibilidade de renunciar em um livro de entrevistas do jornalista alemão Peter Seewald intitulado “Luz do Mundo”, em que afirmou que iria parar se não pudesse mais cumprir com suas obrigações.
 -

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Tribunal de Contas da União aponta falhas graves na política anti-drogas brasileira

Mistura explosiva de drogas torna cada vez
mais difícil enfrentar o vício

Uma auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) apontou falhas graves no sistema nacional de políticas sobre drogas, conduzido pelo Ministério da Justiça. A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) tem levado 14 anos após as apreensões para leiloar bens retidos do tráfico. Um dos problemas é a falta de servidores para levar os processos adiante, aponta o TCU.
Mas o poder Judiciário também tem falhado nessa tarefa de levar os leilões adiante, afirma o TCU. Embora desde 2006 tenham competência para leiloar os bens antecipadamente, os juízes não têm usado esse recurso. Em pesquisa realizada com os magistrados, 95% responderam que determinam a alienação antecipada com frequência muito baixa.
Embora o combate e a prevenção ao uso e tráfico de drogas sejam uma prioridade de governo, o Fundo Nacional Antidrogas (Funad), um importante fonte de recursos para essas ações, vem sofrendo contingenciamento de cerca de 22% entre 2008 e 2010, informa o TCU.
Auiditoria do TCU levanta o problema da
quantidade insuficiente de homens para
atuar nas fronteiras
reprimindo o tráfico
A auditoria também mostra deficiências no combate ao tráfico nas áreas de fronteira. Trata-se de uma faixa de 16 mil quilômetros, mas que é vigiada por apenas 1.439 policiais federais. Em 76% das delegacias, o tempo médio de permanência de um agente é de três anos. "A política de incentivos existente na Polícia Federal é insuficiente para garantir a permanência do efetivo", cita o relatório do TCU.
Relatório do TCU também alerta que prejudica o combate às drogas a dificuldade na capacitação da força policial. Somente 12% das vagas oferecidas em cursos de capacitação para o combate ao tráfico foram preenchidas nas delegacias de fronteira.

Homem acusado de estuprar cinco mulheres e obrigá-las a praticar sexo oral em público é preso em Belford Roxo

Diego da Silva Siqueira, 24 anos, foi preso por policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM/Belford Roxo), às 15 horas desta quarta-feira (15). Ele foi reconhecido por cinco vítimas como autor de estupros praticados naquele município.
De acordo com a delegada Soraia Vaz de Sant’Ana, titular da especializada, as investigações tiveram início há cerca de três meses. Uma das vítimas procurou a delegacia para fazer o registro de ocorrência e informou os números da placa do veículo utilizado pelo criminoso.
Após trabalho de inteligência, os agentes chegaram à identificação do dono do automóvel, pai de Diego, que não foi reconhecido pela vítima. Dando continuidade à investigação os policiais conseguiram identificar Diego como o autor dos abusos.
Ainda segundo a titular, o criminoso armado abordava as vítimas na rua e obrigava elas a entrarem no carro. Depois de praticar o estupro, ele ia com as mulheres para lugares públicos movimentados e exigia que elas praticassem sexo oral, dentro do veículo. Antes de liberar as vítimas, Diego roubavas os pertences delas.
A delegada espera que com a divulgação da imagem de Diego outras vítimas procurem a delegacia para reconhecer o criminoso.


Evento milionário contrata modelos "classe A" e deixa todas sem receber. Advogado de Teresópolis esta atuando no caso.

Jéssica Benites foi uma das beldades que levou calote
 no Rio Boat Show

O Rio Boat Show é um evento que acontece no Rio de janeiro todos os anos na Marina da Glória. É a oportunidade ideal para alavancar vendas e chamar a atenção de novos consumidores e empresários para o mercado náutico da cidade. As vendas alcançam patamares milionários, coisa em torno de 150 a 160 milhões. São lanchas sofisticadas, iates, Jet-skis, veleiros, acessórios e muito mais. Agora, como entender que dezenas de jovens modelos contratadas para tornar o ambiente mais atrativo com o charme e a beleza que lhes é peculiar, não recebam os honorários contratados? Meninas que passaram noites consecutivas em pé, recepcionando as pessoas ou fazendo demonstrações dentro dos barcos, não vão receber um tostão? Essa frase eu ouvi de uma delas: - Eu chego “morta” em casa. Nós chegamos muito antes ao local do evento, e só saímos depois que todo mundo sai”.

As empresas contratantes foram a FACCE Projetos e Serviços, e em segundo plano a G R 1 Editora,  responsável pela edição da Revista Náutica, também um veículo de muito prestígio no seu meio de circulação.

Coincidentemente, algumas dessas jovens estão sendo atendidas juridicamente por advogados de Teresópolis. Ninguém mais, ninguém menos, do que o conceituado grupo do advogado Ruiz Alcântara Filho, profissional muito conhecido em Teresópolis e no Rio de Janeiro. Segundo o Dr. Ruiz, “é inconcebível que num evento desse porte isso venha a acontecer. Além da ação de cobrança dos honorários devidos, estamos pleiteando o dano moral em todos os casos”,  disse ele. Com relação ao fato da primeira empresa ser a contratante direta e a segunda terceirizadora, ele nos disse ainda que  “nesses casos, somos obrigados a imputar responsabilidade às duas empresas, já que mesmo a Editora G R 1 não sendo a contratante direta, ela foi quem usufruiu dos serviços prestados pelas modelos”. O que a gente pode concluir dessas palavras é que, quem terceiriza, tem que ser considerado também responsável pela qualidade e idoneidade da empresa e dos serviços que contrata.   

Hoteleiros de Nova Friburgo ainda à mercê do fantasma da tragédia. Reservas em baixa.

Pousada em Mury, Nova Friburgo, a
1290 mts de altitude
Hoteleiros de Nova Friburgo ainda sofrem com o fantasma da tragédia que se abateu sobre a cidade em janeiro do ano passado. Hotéis que costumavam estar com lotação completa bem antes de períodos de festa como o Carnaval, estão hoje com menos de 50% da capacidade preenchida e , em alguns caos, não chega a 30%. Os hoteleiros responsabilizam por isso o fantasma da tragédia, que a mídia e muitas pessoas traumatizadas não cansam de alimentar com comentários repetitivos e muitas vezes exagerados e sensacionalistas.

Os efeitos dessa postura de pessimismo acaba afastando os consumidores e turistas da cidade, prejudicando o comércio local de uma forma generalizada. Com essa perda, a cidade como um todo fica enfraquecida economicamente. Alguns hoteleiros de Friburgo já pesam em mudar de ramo ou desistir. Uma situação lamentável quando se considera que as cidades da Região Serrana sempre foram tidas como pontos turísticos importantes.

Nova articulação do Procon vai reprimir com energia as infrações ao Código de Defesa do Consumidor em Teresópolis

Dr. Franklin de Almeida Palmeira, Dra. Marta Correa (Procon Teresópolis),
Dr. Emerson Ocampo e Dr. Guilherme Marques (Coordenador/Rio)

Uma "Tropa de Choque" do Procon/Rio, composta pelos Doutores Franklin de Almeida Palmeira,  Emerson Ocampo e  Guilherme Marques - esteve hoje em Teresópolis para realizar diligências conjuntas com o Procon municipal. As diligências tinham endereço certo. Foram reclamações de consumidores da cidade repassadas ao Procon local, que pretende aumentar significativamente a eficácia das suas ações. Para isso, a Coordenadora do Procon/Teresópolis, Dra. Marta Correa, solicitou ao Procon Estadual um reforço técnico permanente, a nível de uma parceria articulada para atender a demanda da cidade no que diz respeito ao Direito do consumidor. Na diligência realizada hoje, foi autuado o Banco Santander por descumprimento dos prazos máximos de 15 minutos nos dias comuns e 20 minutos nas vésperas de feriado de permanência do cliente na fila. Um estabelecimento comercial do Alto, que havia sido denunciado por vender produtos com a data vencida, não foi autuado porque não foram encontradas irregularidades.

Como vai funcionar o sistema
 Procon/Teresópolis ganha importante reforço 
do Estado.

A repressão as infrações do Código de Defesa do Consumidor em Teresópolis passam a ser tratadas da seguinte forma com esse novo plano de integração: recebimento da denúncia e investigação, solicitação de apoio dos representantes do Procon Rio,  recurso de reforço policial quando necessário e comunicação ao Ministério Público para que as providências jurídicas cabíveis sejam desencadeadas. Tudo para que se faça valer de fato a Lei, no que diz respeito Código. Produtos com data vencida, propaganda enganosa, mau atendimento ao cliente, recusa de troca em prazo legal, etc, estão na mira do Procon. Fica aí o alerta para quem não vem andado na linha nas hora de atender bem so seu cliente.